- Publicidade -

Entre as prioridades do presidente Jair Bolsonaro na quarta-feira, 5, estava dar um abraço em Neymar. E ele não poupou esforços para isso. Depois de ter dito que “acredita” no jogador, o presidente afirmou que iria ao jogo entre Brasil e Catar. Ainda no início da partida, o camisa 10 brasileiro, que está sendo acusado de agressão e estupro, sofreu uma lesão e foi parar no hospital.

Depois do fim do jogo, o presidente fez questão de ir visitar o atacante no Hospital Home, em Brasília. A imagem do encontro foi publicada na conta de Instagram de Bolsonaro com a mensagem: “Desejo uma boa e rápida recuperação!”.