Idoso de 95 anos, de Cariri do Tocantins, tem alta médica após ser curado do coronavírus

Depois de 15 dias internado, após receber o diagnóstico positivo para covid19, o idoso, Tomas Pereira da Mata, 95, mais conhecido em Cariri do Tocantins, no Sul do estado, por “Tomais”, recebeu alta do Hospital Regional de Gurupi (HRG), na tarde desta quarta-feira, 27, depois de ter sido curado do coronavírus.

Dos 50 casos positivos já registrados no município, que tem poucos mais de 4 mil habitantes, senhor Tomas, foi o segundo paciente que necessitou ser hospitalizado, porém, o tratamento foi realizado em leito clínico, sem necessidade de internação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do HRG.

O idoso recebeu alta nesta tarde, após fazer novos exames e ser considerado curado da Covid-19. Tomas foi recebido com carinho pela equipe de profissionais do Ambulatório Covid19 de Cariri, onde os familiares foram orientados para seguirem os cuidados com o idoso, uma vez que a esposa, Maria Teodoro de Nazaré, de 80 anos, também recebeu diagnóstico positivo e cumpre isolamento domiciliar, apresentando sintomas leves, aguardando alta do tratamento nestes próximos dias.

Os profissionais do ambulatório comemoraram a recuperação do senhor Tomas. “Estamos muito gratos e emocionados. Ele deu entrada na nossa UBS há 20 dias, onde apresentou uma pneumonia. Realizamos aqui o tratamento inicial, como observei que não havia melhora do quadro após uso de antibióticos, solicitamos o teste de Covid19, que confirmou positivo. Como é um paciente de risco pela idade, com comorbidade, encaminhamos para o hospital de referência, para melhor ser assistido. E hoje, graças a Deus e aos esforços de todos os profissionais, recebeu alta. Ainda está fraco, devido os longos dias hospitalizados, mas terá todo acompanhado diário da nossa equipe”, enfatizou a médica, Dra Andreia Bastos.

Para os familiares, o sentimento é de gratidão e felicidade. “Só agradecer a Deus todas as mensagens de carinho, orações. O sentimento é gratidão, coração aliviado e grato. Não poderia deixar de agradecer em nome da minha família, todos os profissionais da saúde de Cariri, e do HRG que prontamente se dedicaram aos cuidados do meu avó, que neste período de 15 dias, não pôde receber visitas, nem contato. Nossa família está feliz e grata”, desabafou o neto, Walisson Oliveira Sampaio.

Nesta quarta-feira, o boletim epidemiológico de Cariri, totaliza 50 casos positivos, sendo que destes, 13 pacientes em isolamento domiciliar com sintomas leves, outros 35 com alta médica, mais a alta hospitalar do idoso, 1 óbito e 1 suspeito, aguardando resultado de exames.

___

Ceila Menezes