Josi Nunes e Gleydson Nato reúnem entidades de classe e formam rede colaborativa de Gurupi

Mais um passo para concretizar a gestão participativa e humanizada da Prefeita de Gurupi, Josi Nunes, e do Vice-prefeito, Gleydson Nato, foi dado na noite desta segunda-feira, 07. Isso porque ambos reuniram as entidades da sociedade civil organizada do município para formar a “Rede Colaborativa de Gurupi” e iniciar as discussões, em conjunto, que visam o desenvolvimento da cidade em todas as áreas.

Na ocasião, a prefeita apresentou o projeto da rede colaborativa, onde o objetivo é promover uma gestão participativa, trabalhando de mãos dadas com a comunidade gurupiense, por meio das entidades representativas de classes. Josi Nunes formalizou o convite aos presentes e foi unânime a aceitação dos representantes das entidades.

Estiveram representadas no primeiro encontro a Câmara de Vereadores de Gurupi; a Associação Comercial e Industrial de Gurupi (ACIG); Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL); Sindicato do Comércio Varejista do Tocantins (Sicovar); Sindicato do Turismo e Hospitalidade do Estado do Tocantins (Sindhorbs); Sindicato Rural de Gurupi; Senai; Sesc/Senac; Universidade de Gurupi – UnirG; Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); representante das Lojas Maçônicas de Gurupi; representantes da Igreja Católica e representantes das igrejas Quadrangular e Adventista; e a imprensa.

Segundo a prefeita Josi Nunes, foi compromisso de campanha formar essa rede colaborativa na gestão. “O objetivo é fazer com que nossa gestão seja mais participativa, para que possamos discutir com as entidades e líderes de Gurupi os projetos, ações e prioridades da nossa cidade, e juntos tomarmos as decisões, trazendo assim um maior envolvimento da comunidade, através de seus representantes, na nossa gestão”, destacou.

Saúde

A primeira pauta levantada para discussão na rede colaborativa foi saúde. O tema sugerido pela gestão e abordado pelas entidades foi a vacinação contra a Covid-19, pelo entendimento de que somente com o avanço da imunização massiva da população, haverá a retomada concreta das atividades econômicas e demais segmentos da sociedade.

Na oportunidade, o secretário municipal de Saúde, Vanio Rodrigues, apresentou estratégias para o município alavancar os índices de vacinação contra a Covid-19, que, em breve, deverão ser lançadas em Gurupi.

“Um dos temas que trouxemos hoje foi a saúde. Vivemos uma pandemia muito grande e precisamos avançar na vacinação. Queremos alcançar índices surpreendentes e nossa meta é imunizar pelo menos 90% da nossa população. Porém só vamos alcançar isso se tivermos o envolvimento da comunidade”, explicou a prefeita.

Para o presidente da CDL, Elizeu Araújo, foi de extrema importância a reunião que torna a gestão do município mais participativa. “É fundamental a classe empresarial e entidades representativas poderem participar ativamente da gestão. Ficamos honrados pelo convite e creio que essa união será muito positiva para nossa cidade”, disse.

A gerente do Senac, Marcia Bonfanti, enalteceu a iniciativa da gestão. “É uma excelente iniciativa que representa muito a gestão da prefeita Josi Nunes, que é uma gestão participativa. O Senac agradece por ter sido convidado para esse momento, pois temos muito a contribuir como instituição formadora, e estamos aqui para acrescentar. A rede colaborativa será um sucesso com certeza”, afirmou.

Para a presidente do Sindicato do Turismo e Hospitalidade do Estado do Tocantins (Sindhorbs), Maria Lúcia Pompeu, a decisão de formar a rede foi precisa. “Foi importantíssima, pois normalmente as pessoas só gostam de criticar, mas sem tomar parte do processo. Acho que a prefeita teve uma ótima visão, e estamos prontos para colaborar, pois quando estamos de fora, é mais fácil vermos os problemas e assim podemos levar até a gestão as sugestões e possíveis soluções”, comentou.

Do primeiro encontro, foi formada uma comissão que já estará levantando as pautas e discussões para a próxima reunião, que deverá ser realizada na primeira quinzena do mês de março.