Quatro projetos da equipe da Saúde de Santa Rita do Tocantins estão entre os 25 apresentados na I Mostra Estadual de Educação Permanente em Saúde

Os projetos ‘Sorriso Novo na Escola: Melhoria de acesso à saúde bucal através da triagem de risco escolar’, da odontóloga, Denize Grazzieli da Silva; ‘Setembro Amarelo: Sua Vida Tem Valor’ e ‘Saúde da Medida Certa’, e a ‘Participação social na terceira Conferência Municipal de Saúde de Santa Rita do Tocantins e primeira Conferência Livre na Zona Rural no Assentamento São Judas Tadeu’, esses últimos da nutricionista, Rosimary Rezende Espíndola, estão entre os selecionados de todo o Estado para participar da I Mostra Estadual de Educação Permanente em Saúde, que acontece até sexta, 6, no Centro Universitário Católica do Tocantins, em Palmas.

Para a secretária de Saúde de Santa Rita, Viviane Sales, a escolha dos projetos santaritenses demonstra a qualidade do trabalho que é desenvolvido pela saúde na cidade. “Nossa equipe técnica tem competência reconhecida, prova disso é essa escolha, entre projetos de todos os 139 municípios”, destacou. 

A I Mostra Estadual de Educação Permanente em Saúde tem o objetivo de reconhecer as boas práticas dos trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS) no Tocantins, e é realizado pela Escola Tocantinense do SUS Dr. Gismar Gomes (ETSUS), com o tema, “Reconhecendo as práticas dos trabalhadores do SUS no Tocantins”. 

Estão sendo apresentados os trabalhos selecionados nas modalidades de apresentação oral e banners expositivos, que foram escolhidos dentre os eixos temáticos: Educação Permanente em Saúde – movimentos de aprendizagem desenvolvidos por trabalhadores no ambiente laboral; Formação profissional em Saúde; Educação Popular e Controle Social em Saúde.

No total foram selecionados para apresentação oral 14 trabalhos e 11 para exposição na modalidade banner. 

Projeto – ‘Sorriso Novo na Escola: Melhoria de acesso à saúde bucal através da triagem de risco escolar’

 Trata-se de projeto de ações periódicas, preventivas e educativas em saúde bucal na escola e atendimento clínico na zona rural no Assentamento São Judas Tadeu. Tem o objetivo de promover a saúde, com ações educativas e preventivas em saúde bucal para escolares e realizando atendimento clínico, e diminuição da taxa de alunos com avaliações alteradas. E registrou diminuição já no primeiro ano de atividades, do índice de alunos com avaliações alteradas em saúde bucal, sendo que no início de 2018, 158 alunos foram avaliados e 124 com alterações (78,48%), e em dezembro de 2018, 146 alunos avaliados e 73 com alterações (50%), totalizando redução de 38,48%. 

‘Projeto Setembro Amarelo: Sua Vida Tem Valor’

Projeto executado no mês de setembro, dentro da Campanha de Prevenção ao Suicídio, trabalhou por meio de diversas ações, inclusive em escolas, a temática de valorização da vida. A culminância do projeto foi no dia 30 de setembro, com caminhada, palestra, momento de reflexão e atividades culturais.

‘Saúde da Medida Certa’ 

Projeto realiza, por meio de equipe técnica com fisioterapeuta e educador físico, além de nutricionista, atendimentos e encontros semanais a grupo de cidadãos, com vista a trabalhar a boa forma e ainda palestra com o repasse de diversas informações. Projeto de ações periódicas, preventivas e educativas em saúde nos polos da academia da saúde. O programa ‘Academia da Saúde’ é uma estratégia de promoção e produção do cuidado com a saúde, a partir da implantação em espaços públicos. 

‘Participação social na terceira Conferência Municipal de Saúde de Santa Rita do Tocantins e primeira Conferência Livre na Zona Rural no Assentamento São Judas Tadeu’

Realizada a cada quatro anos, as conferências de saúde reúnem representantes de vários segmentos sociais. Propiciando amplo espaço para participação da sociedade e consolidando a legitimidade do processo democrático enquanto dispositivo fundamental para a construção de políticas públicas sustentadas pela participação popular. Com o tema democracia e saúde e eixos temáticos saúde como direito; a consolidação do SUS e financiamento do SUS, o Conselho Municipal de Saúde juntamente com a Secretaria Municipal de Saúde realizou duas conferências de saúde, uma na zona urbana e uma livre na zona rural.

___

(Contexto Comunicação)