Caros leitores, o registro de nossa pesquisa incorreu em falha humana. Entenda;

Publicidade

Publicidade

Caros leitores que acompanham o portal de notícias Tocantins Agora. Nós realizamos consulta para intenção de votos em 12 cidades do Sudeste onde atuamos por base.

Ao registrar a pesquisa no site do TSE, incorremos em um erro, uma falha humana e por isso pedimos desculpas. Sinceras desculpas.

Ao registrar a pesquisa confundiu-se o responsável pela empresa com o responsável estatístico da aplicação. Não houve, de maneira alguma qualquer intenção subjetiva em burlar um registro. O portal Tocantins Agora fez esta pesquisa com o objetivo de informar, na perspectiva de expandir seu público de leitores com interesse nos temas quase sempre políticos que abordamos por aqui.

Esta é uma falha que não se repetirá. Todo o conteúdo que produzimos é feito com muita atenção, com muita dedicação e muito amor na missão que exercemos aqui.

Com muito respeito me dirijo a cada leitor para pedir perdão por esta falha. Obedeceremos a decisão do Tribunal Regional Eleitoral e não divulgaremos a pesquisa até que tudo seja esclarecido, corrigido e, O TRE compreendendo nosso erro humano, ao passo que nos autorize, aí sim, veicularemos os resultados deste trabalho que não foi fácil de realizar em meio a tantas dificuldades que todos os pequenos portais de notícias enfrentam diariamente.

Aqui no site, nosso principal anunciante é o google, nosso portal, vez ou outra tem recebido mídias institucionais. Nossa principal monetização é o adsense, ferramenta principal de nossas pequenas manutenções deste projeto, particularmente ao meu ver, audacioso. Não temos qualquer tipo de engessamento político, nunca foi e nunca será nossa intenção prejudicar quem quer que seja.

O tempo cumprirá seu papel. Deus é bom o tempo todo!

-- Publicidade --

A coligação do ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha foi quem solicitou que a pesquisa não fosse divulgada. Sua equipe de imprensa enviou a todos os veículos de comunicação (inclusive para nós) uma nota pesada contra este editor que vos escreve. As palavras usadas não correspondem com nosso comportamento e nossa correção. Nunca deixamos de divulgar as atividades de campanha e pré-campanha do candidato e, não deixaremos de fazê-la por conta disso. Reiteramos nossas desculpas. Falha humana. Na tentativa de conquistar espaço com nosso portal comunitário de comunicação.

Vamos informar ao TRE qual foi nossa falha, vamos corrigir as informações no sistema.

Não deixaremos, jamais, que este projeto de comunicação que tem um link direto com a comunidade acabe.

É uma luta diária.

Minhas sinceras desculpas.

Haja o que houver,

Stephson Kim – Editor