Médico de Palmas faz alerta sobre nova cepa do Covid-19 na capital

"Se você é do grupo de risco, se você quer se preservar, ainda mais que a vacinação está chegando, mas, devagar, está na hora de você limitar o seu deslocamento por que não é hora de você infectar"

Durante todo o dia deste sábado, 20, todas as redes sociais comentavam e reproduziam o vídeo feito pelo médico cardiologista de Palmas, Dr. Daniel Janczuk, publicado em seu Instagram onde levanta a preocupação e faz o alerta sobre a chegada da nova variante do coronavírus em Palmas.

O cardiologista inicia o vídeo dizendo que “realmente acho que o ser humano não foi feito para esse negócio de lockdown, ficar em casa é muito complicado, [sic] não tô criticando ninguém nem nada, mas acho que quem tá trabalhando com essa desgraça desse vírus tem que alertar, e, vocês com o livre arbítrio, vocês escolhem o que vão fazer”. Relata Janczuk preocupado ao chegar em casa após um plantão.

O receio surge quando uma variante toma proporções de transmissão significativas, como ocorreu com as novas versões identificadas no Reino Unido, na África do Sul, e, principalmente em Manaus.

Ainda que a compreensão sobre o comportamento do novo coronavírus não seja perfeita, a rapidez na disseminação é uma das características das novas cepas.

Dr. Daniel relata ainda no seu vídeo: “Realmente essa nova cepa está espalhando e chegou aqui em Palmas (…) a evolução dos pacientes está muito errática, os pacientes estão se contaminando mais (…) mais rapidamente evoluindo para pneumonia e dessa pneumonia mais rapidamente evoluem para UTI. Relata.

O médico também afirmou que em Palmas o sistema público e particular já estão em colapso, ao explicar que o colapso significa às poucas ou nenhuma vaga de UTI/Covid disponíveis.

“Os hospitais estão se desdobrando para [sic] virar vaga”. Chama a atenção.

“Se você é do grupo de risco, se você quer se preservar, ainda mais que a vacinação está chegando, mas, devagar, está na hora de você limitar o seu deslocamento por que não é hora de você infectar (…) pode acontecer de, ao se infectar, não ter o leito adequado para você”. Alertou o Dr. Dr. Daniel Janczuk.

Até o fechamento desta matéria, o vídeo já possuía 4.660 visualizações no Instagram.

Publicidade

Publicidade

A íntegra do vídeo pede ser conferido a baixo;

A exemplo do caos que se instaurou em Manaus, onde a variante brasileira foi detectada em dezembro, o temor é de que a situação se torne ainda mais severa não apenas em Palmas mas também em todo território nacional.

A Prefeitura de Palmas emitiu um novo decreto determinando que a partir da próxima segunda-feira (22) o comércio e outros serviços poderão funcionar apenas entre 6h e 20h. Além disso, também será suspenso o atendimento presencial em órgãos públicos do município. Antes, o horário de funcionamento era até 22h. Segundo a prefeitura, as medidas valem por 15 dias.

A prefeitura de Palmas produziu ainda alguns flyers explicativos de como a cidade deve se comportar durante a vigência do decreto.

Veja a baixo o que pode e o que não pode, de acordo com o decreto:

 

 

***

Kim Nunes/Redação