Em Almas, Vaguinho pode ter de deixar disputa após contas rejeitas pelo TCE

As contas do atual prefeito de Almas, Wagner Nepomuceno (MDB), foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE) e a sua candidatura está sub judice.

Isso significa que o seu registro de candidatura não é definitivo e que a Justiça está avaliando a sua situação. Caso o seu registro não seja deferido, os votos que ele receber no dia 15 de novembro não serão considerados válidos.

O parecer prévio é do conselheiro José Wagner Praxedes, de acordo com a atualização do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE), que é diária, o candidato a reeleição Wagner Nepomuceno perdeu todos os prazos e não pode mais recorrer no órgão.

No sistema do TCE consta ainda que o presidente da Câmara Municipal de Almas, Eleoterio Silva Ribeiro de Freitas Neto, já foi notificado a cerca do parecer pela rejeição das contas de Vaguinho.

Confira AQUI as últimas atualizações da Corte tocantinense de contas.