Rio da Conceição é o primeiro município do estado a distribuir ivermectina para toda população na prevenção à COVID-19

O Município de Rio da Conceição, no Sudeste do estado, é o primeiro do estado a fazer entrega da ivermectina para toda população. A entrega do medicamento teve início na última semana com a proposta de tratamento profilático ao coronavírus com o antiparasitário que tem apresentado atividade antiviral contra o vírus causador da COVID-19.

O objetivo segundo informou o secretário municipal de saúde, Décio Gomes é oferecer tratamento precoce a todos os moradores, para prevenir as infecções causadas pelo coronavírus.

Ainda segundo o secretário, a medida foi baseada na experiência outras cidades do país. “Além de outros municípios brasileiros, observamos estudos liderados por laboratórios internacionais, a exemplo da Austrália. Em nosso município, o tratamento está sendo orientado e acompanhado por profissionais da saúde, que fazem análise de resultados com o uso da medicação”, disse.

O secretário informou ainda que o atendimento e distribuição da ivermectina é estendido para toda população. “Iniciamos a entrega na última semana, zona urbana e rural. Montamos uma estrutura, que envolve todos os profissionais da saúde do município, com distribuição no ginásio de esportes da cidade, obedecendo todas as normas de segurança, quanto uso de máscaras e distanciamento. O medicamento é distribuído não apenas aos pacientes positivos, mas aqueles não apresentam sintomas e querem fazer o tratamento preventivo também estão recebendo o antiparasitário com orientação médica”, frisou.

De acordo com as orientações do médico do município, Jefferson Fernandes, a medicação é utilizada em duas doses, uma a cada 15 dias. “Seguindo a orientação, o paciente fará o uso em três dosagens. Orientamos que a população não faça o uso por conta própria, que procure nosso atendimento, uma vez que o médico possui algumas contraindicações que necessitam ser observadas”, pontuou.

Casos 

Até o momento, Rio da Conceição soma 19 casos positivos ativos de Covid19, sendo que todos estão em isolamento domiciliar. O município tem 37 pacientes suspeitos, também em isolamento domiciliar, aguardando resultado de exame.

(Ceila Menezes)