Parceria entre Prefeitura e Seciju garante acesso à educação para detentos de Taguatinga

Com o objetivo de garantir acesso à educação aos detentos da Unidade Prisional de Taguatinga, no Sudeste do estado, a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Secretaria Estadual de Cidadania e Justiça (Seciju), firmou parceria que vai garantir acesso à educação para apenados da Unidade, que terão a oportunidade de concluir o ensino fundamental por meio do programa Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Publicidade

Publicidade

A aula inaugural aconteceu na tarde de ontem, 09, com a entrega das primeiras atividades e com a presença do prefeito, Paulo Roberto, secretária municipal de educação, Mônica Bersani, diretor da unidade prisional, Wallas Lima de Azevedo, professora Maria da Conceição, diretora Maria Amélia, coordenadora Josimária, vice-prefeita, Izabella Antunes de França, agente analista em execução penal, Renata Kelli Duarte e demais agentes da Unidade.
As aulas são uma extensão do Centro Educacional Laura do Carmo, em um espaço criado dentro da unidade e inicialmente vai beneficiar 5 apenados. O diretor da unidade destacou a importância da parceria com a secretaria de educação. “Uma parceria que vem de encontro aos anseios dessa população e que com certeza oferece uma oportunidade única de ressocialização por meio da educação”, afirmou Wallas.

A analista em execução penal, também falou sobre a importância do projeto. “O artigo 1° da LEP n. 7210/84, diz que a execução penal tem por objetivo efetivar as disposições da decisão criminal e proporcionar condições para a harmônica integração social da pessoa privada de liberdade. E é exatamente isso que a gerência de reintegração social tem buscado em todas as 33 Unidades Penais do estado. Essas parcerias, com a Seduc e municípios são muito importantes e nos deixa feliz por podermos garantir um retorno harmônico destes homens à sociedade”, ponderou.
As primeiras atividades foram entregues pela professora Maria da Conceição, momento em que reforçou o compromisso da educação no sistema prisional. “Uma iniciativa que reforça mais uma vez a importância do papel social da nossa unidade escolar, da Semed na transformação destas vidas”, afirmou.
O prefeito, Paulo Roberto, enfatizou a importância do projeto que faz parte do planejamento de uma gestão comprometida com a educação. “Esse projeto de inclusão faz parte de um programa de investimentos da educação municipal. Nossa gestão vai trabalhar para todos, garantindo ao cidadão aquilo que a Constituição lhe assegura, como direito de todos”, frisou o prefeito.
___
Ceila Menezes