Após 15 anos, Marcelo Miranda e Eduardo Siqueira se abraçam

Publicidade

Publicidade

O dia de ontem (27 de novembro) será destes dias históricos para o estado do Tocantins.

Após 15 ano de rivalidade política, Marcelo Miranda e Eduardo Siqueira campos se encontraram em clima amistoso em evento promovido pelo governo para entrega de equipamentos para a Polícia Civil. Há 15 anos o relacionamento das famílias Miranda e Siqueira no Estado foi marcado por troca de farpas e acusações, diante de várias disputas pelo eleitor tocantinense.

O deputado Eduardo Siqueira foi convidado por Miranda para o evento, já que os produtos entregue a força estadual de segurança foi fruto de emenda de  Eduardo o valor de R$ 275,4 mil

A emenda possibilitou a aquisição de 90 pistolas Glock (ponto 40), 34 notebooks e 44 purificadores de água para as delegacias.

-- Publicidade --

O reencontro entre os dois surpreendeu muitos analistas da política tocantinense, pois estavam pelo menos, desde o ano de 2002 sem serem vistos juntos, foi neste ano que o racha entre os grupos aconteceu fazendo com que as farpas trocadas desde aquele período atingisse inclusive os militantes mais apaixonados de cada grupo. Foi um tempo que muitas amizades foram desfeitas e um abismo foi criado entre pessoas que antes “se amavam”

Marcelo e Eduardo foram muito cordiais, um com o outro, trocaram elogios e muitos sorrisos

Marcelo Miranda elogiou o ex-governador Siqueira Campos, pai de Eduardo Siqueira, e ainda mandou um cortejado abraço ao considerado criador do Estado do Tocantins. A frase do governador causou furor nas redes sociais e rapidamente tomou conta dos grupos de whatsapp de todos os cantos do estado.

Se o encontro é a abertura de um novo capítulo na história política do Tocantins, os próximos dias poderão ser mais acalorados depois de toda a seda (recosturada) que foi rasgada ontem.